Desinfecção de Ambientes – Estabelecimentos Comerciais

DESINFECCAO-DE-AMBIENTES-PARA-ESTABELECIMENTOS-COMERCIAIS-2.jpg

Precisamos de cada vez mais informações importantes sobre higiene e limpeza profissional, principalmente durante a pandemia da Covid-19, para auxiliar os estabelecimentos comerciais neste momento de retomada das atividades, e colaborando para a diminuição do risco de disseminação do novo coronavírus, dividiremos aqui, um pouco do nosso conhecimento e de nossas pesquisas com vocês, nossos amigos, clientes, parceiros e leitores. 

No entanto, por tratar-se de um vírus novo, ainda sem estudos comprovados que atestem seu comportamento, apresentamos medidas imediatas de prevenção e controle de transmissão.

O que você precisa​ SABER e FAZER para​ prevenir o contágio?​

                    • Higienize regularmente as mãos com água e sabonetes líquidos ou álcool gel 70°;​​
                    • Mantenha, pelo menos, 1 metro de distância entre você e outras pessoas;​​
                    • Evite tocar nos olhos, nariz e boca. As mãos tocam inúmeras superfícies e podem carregar o vírus, além de outros microrganismos;​​
                    • Cubra a boca e o nariz quando tossir ou espirrar com lenço descartável. Em seguida, descarte-o imediatamente e higienize as mãos. Caso não tenha disponível um lenço, cubra boca e nariz com o antebraço;​​
                    • Fique em casa se não se sentir bem. Em caso de febre, tosse ou dificuldade de respirar procure atendimento médico. Siga as instruções da autoridade sanitária ou recomendações das autoridades locais e nacionais;​​
                    • Mantenha-se informado sobre a Covid-19 – através de fontes verídicas;
                    • Use máscara (de tecido ou com certificado de aprovação).

Plano de​ CONTINGÊNCIA​

Neste momento, todos os ambientes de circulação de pessoas, tais como: comércio, indústrias, empresas em geral, estabelecimentos de ensino, supermercados, condomínios, residências, meios de transporte e ambientes de serviços públicos, devem adotar protocolos de limpeza mais rígidos e frequentes para evitar a possível disseminação do vírus.

Tratando-se dos protocolos de limpeza, especificamente, é preciso que sejam tomadas as medidas de prevenção e controle de infecção pelos profissionais, bem como a execução de limpeza e desinfecção dos ambientes para reduzir ao máximo a transmissão do novo coronavírus.

TREINAMENTO para CONSCIENTIZAÇÃO das EQUIPES operacionais de LIMPEZA 

Uma parte fundamental no processo emergencial da pandemia pelo novo coronavírus, é o treinamento e a capacitação dos colaboradores, que deve seguir as diretrizes do Ministério da Saúde, OMS e ANVISA. 

É imprescindível a orientação constante de todos os profissionais para a prevenção da transmissão de agentes infecciosos.​​

Desta forma, as equipes devem proceder à limpeza (procedimentos para remoção de sujidades) e desinfecção (processos que visam reduzir a carga microbiana nas mais diversas superfícies com a utilização de produtos devidamente regulamentados) em todos os ambientes como medida preventiva.​​

A utilização de EPI´s é obrigatória para a realização dos processos e todos os colaboradores devem ser treinados para utilizá-los corretamente. É preciso alertar também para a colocação dos dispositivos para proteção respiratória.

Outro ponto importante, é nomear um supervisor durante a realização das tarefas para orientar as equipes. Desta forma, os principais pontos de atenção do observador devem ser:

      • Garantir colocação e retirada dos EPIS de forma correta;
      • Garantir que os procedimentos adotados sejam seguidos;
      • Garantir o uso de equipamentos corretamente, exemplos: panos de limpeza; rodos, mops pó, mops úmidos, escovas/esfregões etc.;
      • Garantir o atendimento correto em caso de acidente/incidente seguindo as informações contidas nos rótulos dos produtos;

EPI’S – EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL PARA EQUIPE DE LIMPEZA

 

    • Máscara (de tecido ou com CA – Certificado de aprovação);
    • Luvas;
    • Óculos de segurança;
    • Botas ou calçados de trabalho fechados;
    • Uniforme ou aventais fechados.

Atenção à​ CONTAMINAÇÃO CRUZADA​

Contaminação cruzada é quando há a transferência de contaminantes de um local, superfície ou alimento para outras superfícies através de utensílios, equipamentos e mãos.​ Desta forma, as áreas de maior fluxo ou contato com as mãos devem ser rigorosas. A partir deste conceito, as equipes devem atentar para pontos de contaminação cruzada e reforçar o procedimento de limpeza e desinfecção. 

PRODUTOS QUÍMICOS

Trataremos aqui dos produtos químicos: limpadores e desinfetantes, uma vez que o protocolo recomendado é a higienização das superfícies, ou seja, a limpeza seguida da desinfecção.

Ainda não existem estudos que sinalizem produtos específicos para combater o coronavírus, contudo, a indicação é que para todos os ambientes sejam adotadas medidas mais cuidadosas de higienização, isto é, realizar a limpeza, para a remoção de sujidade com produtos detergentes, limpadores e multiusos e a desinfecção, para a eliminação de microrganismos, com a utilização de produtos desinfetantes de uso geral, tais como: hipoclorito de sódio, álcool 70% e água sanitária ou qualquer desinfetante de uso geral para superfícies, que tenham a eficácia antimicrobiana comprovada, respeitando a diluição e tempo de contato informados nos rótulos pelos fabricantes. 

É recomendável que os produtos químicos utilizados nos procedimentos de limpeza e desinfecção de superfície dos ambientes contenham as instruções no rótulo, forma de utilização, número de registro (ou número de notificação) na ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e a categoria de uso, para garantir a sua eficácia.​​

Produtos recomendados nos processos de limpeza:​

  • Detergentes;
  • Limpadores;
  • Limpadores dois em um (limpeza + desinfecção);
  • Multiuso.​​

Produtos recomendados nos processos de desinfecção:

  • Água Sanitária ou Hipoclorito de Sódio;
  • Desinfetantes de uso geral;
  • Qualquer desinfetante devidamente registrado na ANVISA, que possua ação antimicrobiana comprovada.​​

A seguir os produtos indicados para o processo de limpeza e desinfecção de ambientes.

Produtos recomendados nos processos de limpeza: Detergentes

Max PINE Detergente Desengordurante

Com óleo de pinho

Diluição:

Limpeza pesada 1/200

Limpeza leve 1/400

 

Max Detergente Neutro – Alta ação desengordurante

Diluição:

Limpeza pesada 1/50

Limpeza leve 1/100

Manutenção 1/200

 

Produtos recomendados nos processos de limpeza: Limpadores

Max Limpador Concentrado – Multilimpador perfumado

Diluição:

Limpeza pesada 1/100

Limpeza leve 1/200

Manutenção 1/300

 

Max Limpa Porcelanato – Realça o brilho por mais tempo

Diluição:

Limpeza pesada 1/20

Limpeza média 1/50

Limpeza leve 1/100

 

 Max Limpador Neutro​ – Alta Performance​​

Diluição:​

Limpeza pesada 1/50​

Limpeza leve 1/100​

Manutenção 1/200

Max Flotador – Limpeza a seco

Diluição:

Limpeza pesada 1/2

Limpeza média 1/10

Limpeza leve 1/20

 

PRODUTO RECOMENDADO NO PROCESSO DE DESINFECÇÃO

Devidamente registrado na ANVISA, formulado com quaternário de amônio, um potente ativo para desinfetar e manter ambientes sempre higienizados.

Seu princípio ativo de amplo espectro de atuação, confere ação bactericida comprovada contra bactérias como: Staphylococcus aureus, Salmonella e Pseudomonas aeruginos

Max Desinfetante Desinfeta e perfuma em 4 fragrâncias.

Diluição: Desinfecção 1/5 | Limpeza geral 1/100 | Manutenção 1/200

 

Equipamentos e Acessórios de Limpeza

Os equipamentos são uma parte fundamental nos processos de limpeza. Por serem ergonômicos, sua correta utilização melhora a produtividade e a qualidade da limpeza, além de diminuir o desgaste físico dos usuários. Abaixo, segue a relação dos principais itens:

  • Sinalizador de área interditada;
  • Sistema Mop: Úmido (lavável, semi-descartável e descartável) e Seco (varrição, lavável e descartável). Obs: refis laváveis, na composição microfibra, tem maior poder de captação de sujidade.
  • Baldes espremedores/ baldes comuns;
  • Suporte limpa-tudo
  • Fibras (macia, uso geral, serviço pesado);
  • Panos de limpeza (microfibra, algodão, descartáveis – exemplo: TNT);
  • Rodo e pá coletora;
  • Borrifadores;
  • Enceradeiras;
  • Lavadoras automáticas de pisos;
  • Aspiradores de pó e líquidos com filtro.

Limpeza e Sanitização de Ambientes.

ATENTE-SE: A limpeza e a desinfecção dos locais, devem acontecer em um único sentido, nunca em movimentos circulares ou de vai e vem para evitar espalhar a contaminação sobre as superfícies. É de suma importância que a equipe operacional tenha conhecimento deste processo.

SEQUÊNCIA E PROCEDIMENTOS DE LIMPEZA:

De modo geral, os processos devem seguir as etapas de acordo com as áreas a serem

Higienizadas, a limpeza é classificada em 3 tipos:

  1. Limpeza seca                  2. Limpeza úmida                   3. Limpeza molhada

Inicie a limpeza da área menos suja para a mais suja:

  • Faça a varredura úmida com mop ou rodo e pano de limpeza, umedecidos com solução de produto de limpeza já diluído;
  • Inicie o processo de limpeza e desinfecção pelas paredes, vidros, superfícies, objetos e por último, o piso;
  • Áreas de contato direto devem ter atenção especial na frequência da limpeza e superfícies sem contato direto como teto, luminárias, entre outras, devem ser higienizadas de acordo com a necessidade de cada estabelecimento.

Áreas, Produtos e Métodos de Sanitização.

Destacamos alguns exemplos por área, com produtos e métodos de limpeza durante a pandemia para auxiliar no procedimento correto de limpeza e desinfecção dos ambientes em geral.

Lembrando que o mais recomendável é o aumento da frequência dessa limpeza em todas as áreas de contato, a fim de prevenir a contaminação.

Atenção!!!!!!!!!!!!! Pontos Contaminantes nos Ambientes

Válvula de descarga, torneiras, maçanetas, dispensers de sabonetes, dispensers de papel higiênico, lixeiras, botões de elevador, papeleiras, mouses, teclados, máquinas de cartão, interruptores ou quaisquer outras superfícies de alto contato.

Cuidados Importantes

  • Os panos utilizados na limpeza do piso NÃO devem ser utilizados em outras áreas. Para isso recomenda-se fazer diferenciação por cores ou utilizar formas descartáveis;
  • Luvas e panos utilizados para a limpeza do banheiro deverão ter seu uso restrito SOMENTE AO BANHEIRO. Para isso recomenda-se fazer diferenciação por cores ou utilizar formas descartáveis;
  • Para limpeza mais profunda de superfícies em geral, pode-se substituir os panos de limpeza por fibras de limpeza que possuem maior ação mecânica.

Caso o estabelecimento não possua estrutura para higienização de panos de limpeza e mops, os mesmos podem ser transportados em sacos plásticos fechados (para que não haja o risco de contaminação cruzada) até um local que possa ser realizado a higienização deles por método manual ou máquina de lavar, lavando separadamente de roupas e outros itens de uso pessoal.

CUIDADOS COM OS MATERIAIS 

Após a conclusão dos procedimentos operacionais de limpeza nos locais, recomendamos lavar as luvas com água e sabonete líquido, caso elas sejam reutilizáveis (látex e nitrílica), antes de fazer a retirada do EPI. Para as luvas descartáveis realizar a retirada corretamente e descartá-las.

Em caso de dúvidas sobre os produtos da Linha Max ou higiene e limpeza profissional, consulte nossas plataformas digitais.

www.audaxco.com

Até a próxima!

 

Telefones

Matriz: (19) 3515-5000
SP: (11) 3014-0307
RJ: (21) 3512-0715

Filial Recife
(81) 3372-1779
(81) 3372-4034
(81) 3487-0388
(81) 99185-4979
(81) 99257-1848
(81) 99183-0430

Localização

Matriz
Rua José Ferragut, 03 – Capela
Vinhedo – SP – CEP: 13285-742

Filial Recife
Rua da Linha, 3573 – Mirueira
Paulista – PE – CEP: 53405-640

AudaxGo Logística
Rod. Eng Miguel Melhado, 51
KM 78 da Via Anhanguera
Vinhedo – SP – CEP: 13288-003